domingo, 30 de junho de 2013

Orquestra Milionarios Del Rio - Em Hollywood

  1. Theme from "The Prize" (Do filme "Os Criminosos Não Merecem Prêmio")
  2. Guitarras En La Noche (Do filme "Cabaré das Ilusões")
  3. It Had Better Be tonight (Do filme "Pantera Cor de Rosa")
  4. A Place Called Happiness (Do filme "Branca de Neve e os Três Patetas")
  5. Where Do You Run (Do filme "To Hide A Heartache")
  6. Je M'en Fous (Mondo Cane)
  7. Rome Adventure (Do filme "O Candelabro Italiano")
  8. Addio, Amore! (Do filme "Adeus às Armas")
  9. It's A Mad, Mad, Mad, Mad World (Do filme "Deu a Louca no Mundo")
  10. House of Sand (Do filme "A House of Sand")
  11. The Love Song of Tom Jones (Do filme "As Aventuras de Tom Jones")
  12. Theme from "Lillies of the Field" (Do filme "Uma Voz nas Sombras")
Em Hollywood

A Orquestra Milionarios Del Rio em Hollywood, no seu volume II, volta a marcar um tento no mundo dos discos através de um LP, de esmerado gosto, lançado pela Copacabana. Novamente as melodias popularizadas pela sétima arte constituem um cardápio musical que atenderá os maiores anseios. As mensagens sonoras que as películas conseguem transmitir são enriquecidas pela virtuosidade de excelentes artistas. Músicas que dispensam citações, pois são por demais conhecidas do grande público, foram escolhidas para satisfazer a todas as predileções. A formação da orquestra foi um trabalho primoroso. O maestro Pachequinho conduziu seus talentosos músicos com tal precisão que não há euforismo em afirmarmos que realizou algo digno de uma distribuição para o exterior. Sua inspiração consagrada encontrou no solista Chaim um teclado comparável a uma escada que aos ouvintes aponta o belo portal dos sonhos dourados. Há um festival de violinos, violas, cellos, corne inglês, fagote, trompa, bandolim, gaita de boca, saxes, pistões, trombones, guitarra, flauta, piano, contrabaixo, bateria e ritmo. Acrescente-se o encantamento de um coral misto.

O cinema já assinalou o êxito sentimental dessas músicas e agora, como se a sala de projeção estivesse em sua própria casa, há o magnífico ensejo de revivermos aquilo que foi visto, sentido e admirado.

Hollywood trabalha freneticamente! Hollywood aqui simboliza a cinematografia mundial. É a fábrica que não pára na preparação de quimeras... Tudo minuciosamente certo, tecnicamente perfeito. Coloque o pick-up em ação e com o "apagar das luzes", entraremos no castelo imaginário que nos arrebata com seus acordes maravilhosos.

(Adolfo Cruz, extraído das notas originais)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...